EBOOK REVELA 04 HIDRATAÇÕES CASEIRAS SIMPLES QUE VÃO REVOLUCIONAR SUAS MADEIXAS EM POUCAS SEMANAS!

Proteína

Dieta rica em proteínas – Fique por dentro

Olá, o artigo de hoje do Blog Dicas Saúde da Mulher, deseja comentar sobre a dieta rica em proteínas. Continue lendo e fique por dentro dessa dieta.

O desejo de ter o corpo ideal vem pairando a mente das mulheres. As modelos vem sendo o estereotipo mais deseja por aquelas que desejam emagrecer e alcançar um corpo bonito, desejável, invejável e com silhueta atraente.

Infelizmente, o que se tem visto é que muitas mulheres estão fazendo de tudo para alcançar a silhueta desejada sem considerar os malefícios que essas atitudes podem provocar na sua saúde e como consequência, na sua vida.

Se você precisa emagrecer, então tenha consciência que a sua saúde é mais importante. Perde peso para ter um corpo mais bonito e atraente não deve ser a sua motivação, mas melhorar a sua saúde.

Por isso, não aceite promessas, mas procure soluções que vão, de fato, lhe ajudar a perder peso sem sacrificar a sua saúde. Pois, este é o maior bem que você tem na vida e se perdê-la, a sua vida ficará limitada.

Hoje desejamos chamar a sua atenção, pois muitas pessoas desejam emagrecer, como exemplo podemos citar a dieta rica em proteínas, porém quando seu regime vira um veneno? Continue lendo para descobrir!

Quase todo mundo acha que precisa emagrecer, mesmo que seja só um pouco. Desde as pessoas com pouca preocupação até os mais fitness, todos acham que uma gordurinha está a mais.

A dieta da proteína é uma excelente opção para quem deseja emagrecer, porém alguns cuidados precisam ser tomados para que a dieta não se transforme em vilão.



Dieta rica em proteínas – Quando o regime se transforma num veneno

Dieta rica em proteínas

  • Dieta rica em proteínas – Cuidado com a mídia

A mídia e a sociedade usam a magreza como sinônimo de beleza, boa forma e saúde. Apesar dessa ideia não é bem assim que a soma deve ser feita.

São muitas as histórias de pessoas que, por vontade de emagrecer, acabaram adquirindo algum problema de saúde. Infelizmente existe um comportamento nocivo que incentiva à busca desenfreada pela beleza sem pesar o bom senso.

Ser magro não é sinônimo de um organismo em equilíbrio mas muitas vezes é necessário emagrecer para ter um melhor aproveitamento da saúde.

A verdade é que o problema está no desequilíbrio. Dietas e regimes não podem ultrapassar os limites da responsabilidade pois os resultados podem ser devastadores.

Por isso, a presença de um profissional habilitado e capacitado é crucial para lhe guiar nessa empreitada de perder peso. Não adianta fazer um regime com conselhos de amigos, de parentes. Você precisa saber como seu corpo está se comportando a cada quilo perdido. 

  • Dieta rica em proteínas – Sobre a dieta da proteína

A dieta da proteína é um ótimo exemplo de um menu excludente que tem bons resultados na hora de emagrecer. A dieta é recomendada até por nutricionistas e endocrinologistas. Porém em casos específicos e após uma série de exames.

Na maioria dos casos a dieta da proteína é passada para pessoas que precisam emagrecer rapidamente. Alguns chegam a perder 5 quilos por mês. Porém ela vem com uma série de fatores.

É necessário estabelecer um período de dieta e não ultrapassa-lo, é necessário oferecer ao corpo suplementação de vitaminas e minerais, pois esse menu é pobre nesses elementos e o exercício físico deve ser sempre praticado.

  • Veja algumas consequências da má administração da dieta da proteína.

> Perda de energia

A dieta da proteína exclui completamente os carboidratos. Essa substancia é responsável por oferecer energia rápida ao organismo e nos primeiros dias de dieta da proteína é comum sentir muita fadiga.

 A longo prazo a falta de proteínas Pode causar sérios problemas aos músculos. Eles oferecem parte da capacidade de regeneração e a massa magra pode ser perdida sem eles.

> Sobrecarga nos rins

A carne possui gordura animal. Essa substancia não é digerida apenas pelo estomago e os rins precisam ser acionados. Comer proteínas em exagero pode sobrecarregar este órgão. 

> Constipação

Para termos uma boa digestão é preciso finalizar com a evacuação. Ingerir muitas proteínas pode deixar a ida ao banheiro mais difícil e até mesmo demorada.

Apenas um médico pode passar formas de balancear a dieta da proteína com estratégias para não atingir o sistema digestivo e causar problemas no aparelho intestinal.

Dieta rica em proteínas – Pontos importantes que você deve conhecer

A dieta rica em proteínas também é conhecida como dieta do Dr. Atkins, já que foi criada pelo cardiologista Robert Atkins.

A base da dieta da proteína é a redução acentuada dos carboidratos, aliada ao aumento no consumo de proteínas e gorduras, encontradas nas carnes, óleos, manteigas, leite e derivados.

Sendo o carboidrato uma das principais fontes de energia do nosso organismo, acredita-se que em sua ausência o corpo irá usar as suas reservas de gordura em busca de energia, ocorrendo assim a redução de peso.

Entretanto, privar seu organismo de carboidratos poderá provocar efeitos colaterais indesejáveis, como tonturas, náuseas, fraquezas, dentre outras. O corpo precisa de carboidratos para funcionar perfeitamente.

Por isso, a presença de um profissional vai lhe ajudar a emagrecer sem colocar seu organismo num nível elevado de estresses e debilidade. Ou até mesmo, consequências maiores!

A dieta rica em proteínas é amplamente conhecida, pois  promove uma rápida perda de peso, porém emagrecer não significa que você esteja ganhando saúde. 

Fique por dentro da dieta rica em proteínas

Dieta rica em proteínas saude

  • A dieta da proteína é estruturada em 4 fases

> Na 1ª fase

Dura 2 semanas, pode-se consumir à vontade carnes, queijos e gorduras, sendo permitido apenas pequenas porções de vegetais como o tomate, a alface e os brócolis.

> Já na 2ª fase

A quantidade de legumes é aumentada. Essa fase dura até que o peso atingido esteja a 5 quilos do peso ideal.

> Na fase 3

São acrescentados 10 gramas de carboidratos ao dia, e tem a duração de 2 a 3 meses.

> Fase 4

Consome-se até 100 gramas de carboidratos por dia, e são mantidos os hábitos alimentares das outras 3 fases.

  • Sobre a dieta rica em proteínas

Eficiente? Quem já fez afirma que sim, que consegue-se  emagrecer de forma bem rápida. Porém, como em todas as dietas, há vantagens e desvantagens que deve-se conhecer.

A primeira vantagem, claro, é a rápida redução de peso. Outra vantagem é a não limitação na quantidade de alimentos ingeridos, desde que se consuma somente os tipos de alimentos indicados na dieta. Além disso, o consumo de proteínas traz sensação de saciedade ao organismo, fazendo com que se coma menos.

  • Os pontos negativos dessa dieta

Já como desvantagem, nutricionistas apontam justamente o baixo consumo de carboidratos, o que pode provocar carências nutricionais ao organismo. Em alguns casos, são relatados episódios de tonturas, fraquezas e até desmaios devido a isso.

Por outro lado, o alto consumo de proteínas pode provocar a elevação nas taxas de colesterol e de gorduras saturadas, quadro favorável para o aparecimento de doenças cardiovasculares e hipertensão.

Outro ponto desfavorável é que a lista de alimentos proibidos na dieta da proteína é grande, mudando totalmente a rotina alimentar de quem a segue, o que a longo prazo fica difícil de manter.

O vídeo abaixo comentar sobre a dieta rica em proteína. Não deixe de ver!!!

Considerações Finais:

Quem deseja obter rápida perda de peso e pensa em seguir a dieta da proteína, faz bem em ter o acompanhamento de um nutricionista, para que receba toda orientação necessária e emagreça de forma segura e saudável!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.