Peeling

Estrias – O peeling eliminar? – Saúde da Mulher

As estrias vem sendo o grande vilão da pele de muitas mulheres. Ninguém deseja ter essas manchas feias, por isso saiba se o peeling pode eliminar.

Muitas mulheres se incomodam com as estrias que podem aparecer devido a diversos fatores como gravidez, efeito sanfona, crescimento, dentre outros.

A boa notícia é que existem tratamentos para minimizá-las como o peeling, por exemplo.

Entretanto, é importante saber que as estrias não saem completamente, porém esse tipo de tratamento pode torná-las quase imperceptíveis. Ou seja, o peeling não elimina as estrias, mas melhora a sua aparência.

Veja a seguir mais informações sobre as estrias e sobre os tipos de peeling que ajudam reduzi-las.

estrias-pele-mulher

  • O que é estria

A estria que pode surgir com mais frequência no bumbum, pernas, barriga, braços e costas, nada mais é do que um rompimento das fibras elásticas da pele.

Com esse rompimento, ficam cicatrizes na pele, que podem ser de coloração avermelhada ou esbranquiçada, dependendo do grau de rompimento. No caso das estrias esbranquiçadas, só é possível obter uma melhora no seu aspecto.

As fibras elásticas da pele podem se romper com mais facilidade quando a pessoa cresce muito rápido ou ganha muito peso, pois faz com que a pele estique bruscamente.

Fatores hormonais também podem causar o problema. E quando esse rompimento ainda está no início é possível reverter o quadro, sumindo totalmente com a estria. Nesse caso, as estrias são avermelhadas.

  • Peeling para estrias

Existem vários tipos de peeling, desde os mais superficiais até os mais profundos. Para você entender melhor sobre o assunto, veja uma especificação breve dos diferentes tipos de peelings indicados para o tratamento de estrias.

  • Peeling microdermoabrasão

Esse tipo de tratamento é muito utilizado para minimizar a aparência das estrias, mesmo as mais antigas.

Esse tratamento pode ser feito através do peeling de diamante e peeling de cristal, que fazem uma esfoliação superficial removendo a camada mais superficial da pele.

Ambas as técnicas são muito indicadas para reduzir estrias, pois estimulam a renovação da pele, fazendo com que melhore as cicatrizes.

  • Peeling químico

Esse tratamento que é feito com ácidos, é ainda mais eficiente na melhora das estrias. Isso porque os ácidos fazem uma esfoliação mais leve na pele, estimulando a microcirculação do local, o que leva à formação de novas fibras de colágeno.

O ácido mais indicado para minimizar as estrias é o ácido retinócio, pois além de eficiente é mais econômico. Já as estrias mais antigas reagem melhor com os peelings de alfa-hidroxiácidos.

  • Laser fracionado

Outro tipo de peeling que é muito indicado para tratar estrias, é o lazer fracionado, principalmente no caso de estrias mais antigas e resistentes.

Esse tipo de tratamento é considerado muito eficiente, e um dos mais rápidos do mercado. Isso porque ele estimula as células de colágeno, provocando a renovação da pele.

Entretanto, para fazer o tratamento, é preciso antes preparar a pele com ácido retinóico. Com apenas 5 sessões já é possível obter ótimos resultados.

Considerações Finais:

Vale lembrar que é importante conversar com um profissional especializado (esteticista, fisioterapeuta ou médico) para saber qual tipo de peeling é mais indicado para tratar suas estrias.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.